Menu

Alta tecnologia na construção de modelos

Tebis na PROTO-TECHNIK

Na sociedade de design e fabrico de modelos PROTO-TECHNIK Gesellschaft für Gestaltung technischer Produkte mbH, localizada em Bergkirchen, na Alemanha, sigilo é um aspeto de extrema importância. A empresa especializada em protótipos, modelos de "design check", calibres de referência e de corte, bem como "Meisterbocks", protege os futuros produtos dos seus clientes: nos pavilhões sagrados da empresa só podem entrar pessoas devidamente autorizadas. A empresa revelou-nos alguns segredos.

Matthias Sliwanski, sócio gerente da sociedade de design e fabrico de modelos PROTO-TECHNIK, está empenhado em concretizar as visões dos seus clientes. Neste processo, será assistido por Peter Krebs, que já conhece a empresa há anos, tendo ele próprio já trabalhado em todas antes do pai de Matthias Sliwanski o ter chamado para a Direção. A maioria dos clientes é do ramo automóvel. Os designs de novos modelos das grandes empresas do setor automóvel, como a VW, a Audi ou a BMW, são convertidos aqui, onde também é verificado o seu funcionamento e possibilidade de montagem. No entanto, a empresa está-se a expandir e a explorar outras áreas, nomeadamente da aerospacial e da defesa. Nos próximos seis anos, o número atual de 62 colaboradores deverá aumentar para 100.

  • Pioneiro em fibra de carbono

    Quando, há dez anos, Lutz Sliwanski, pai de Matthias Sliwanski, comprou a empresa, adquiriu uma pequena empresa de construção de modelos com um total de oito colaboradores. Antes tinha trabalhado na empresa de construção de carroçarias e de design Pininfarina. Com a sua própria empresa realizou o seu sonho. E trouxe algo de Itália: a fibra de carbono.

    Na Alemanha, o material ainda não tinha sido difundido na área da construção de modelos. Na fábrica ninguém acreditava no novo material. "Ah, tu e o teu papel machê", como era chamado na altura. Hoje o plástico reforçado por fibra de carbono desempenha um papel muito importante. Em "cubings" e calibres substitui, em muitos casos, o alumínio. Embora a fibra de carbono seja mais cara, é mais fácil de maquinar e pesa 70% - 80% menos do que, por exemplo, o alumínio. Adicionalmente, devido à sua insensibilidade à temperatura, tem um coeficiente de dilatação térmica muito baixo. O perigo de acidentes ao manusear componentes é reduzido e o transporte é mais simples e mais barato; peças de grandes dimensões também podem ser facilmente deslocados. No total, os custos de fabrico são mais baixos. Por esta razão, pode-se dizer que hoje o espírito pioneiro de Lutz Sliwanski compensa.

  • Tebis satisfaz as mais elevadas exigências

    Nos últimos dez anos, a empresa não só aumentou consideravelmente, como também expandiu constantemente a sua carteira de produtos. Ao mesmo tempo, os requisitos de qualidade e fiabilidade aumentaram significativamente. PROTO-TECHNIK tem clientes em todo o mundo. Prazos de entrega pontuais e precisão são muito importantes no setor. E é aqui que entra o Tebis. Tebis CAD/CAM é um componente importante para o rápido desenvolvimento da empresa. Inicialmente, os projetistas e programadores trabalhavam com um posto de trabalho Tebis e três postos de trabalho de um software CAD/CAM americano. Mas, aos poucos, a Tebis foi ganhando terreno sobre os outros fornecedores. Ainda existe uma última licença, que está a expirar, para além de seis postos de trabalho Tebis. Estão planeados mais postos de trabalho Tebis para os próximos anos.

    Modelo de "design check" no mais elevado nível de expansão com carroçaria completa em bruto de CFRP, incluindo todos os acessórios, como guarda-lamas, portas, capô e porta traseira com interior reproduzido do original. As peças em chapa reproduzidas, com laminados de CFRP, estão em conformidade com os dados CAD atualizados, no que respeita à espessura de parede original.

    "A nossa aposta hoje no Tebis baseia-se num valor empírico. À medida que os requisitos foram aumentando, o outro sistema tornou-se improdutivo. Com o Tebis trabalhamos de forma mais eficiente e rápida, e conseguimos reduzir significativamente os tempos de funcionamento das máquinas. No domínio de 2,5D com alumínio e aço, tornámo-nos até 50% mais rápidos. Também examinámos outros sistemas CAD/CAM alemão e britânico. Mas, comparativamente ao Tebis, os produtos não nos convenceram. O Tebis consegue o que os outros não conseguem", explica Matthias Sliwanski.

    Simulação das trajetórias de ferramenta para o corte em 5 eixos de um modelo negativo para o modelo com laminado de CFRP de uma porta de automóvel

    Simulação das trajetórias de ferramenta para o fabrico de um modelo completo de uma porta de automóvel

    Christoph Rzymbowski, chefe de CAM e Oficina, explica o que torna o Tebis tão especial. "Com o Tebis produzimos principalmente superfícies de geometria regular de alumínio e aço, no domínio 2,5D, bem como superfícies de formas livres negativas de plástico, laminadas com fibra de carbono, com fresagem de acabamento e cortadas. Particularmente importante é a qualidade da superfície e a fiabilidade. Como recebemos muitos dados em bruto, dados "strak" e dados de pontos, neste caso têm de ser fechadas lacunas ("gaps") e eliminadas sobreposições. Com o Tebis isto funciona na perfeição."

    Christoph Rzymbowski, chefe de CAM e Oficina a medir um modelo completo fresado Tebis de um para-choques traseiro para posterior maquinação

     

  • Gestão de alterações e automatização com Tebis

    Na PROTO-TECHNIK valoriza-se bastante a tecnologia de "templates" e a gestão de alterações no Tebis. Relativamente aos antecedentes, Matthias Sliwanski explica que a empresa supervisiona alguns produtos, desde o desenvolvimento inicial, passando pela fase inicial da produção, até ao ajuste da série. Durante a produção em série, ao longo de um período de quatro a cinco anos, os veículos frequentemente recebem um "facelift" que tem de ser verificado.

    Até à colocação no mercado de outros produtos são necessários entre um a dois anos. Nestes longos períodos de espera, os designs vão sendo constantemente alterados. Para Christoph Rzymbowski isto não constitui um problema: "A grande vantagem do Tebis é que podemos introduzir alterações sem grandes custos. Se uma superfície se alterar ligeiramente, por exemplo, porque é adicionado um furo, a versão antiga pode ser facilmente substituída pela nova no ficheiro CAD. Mesmo quando todas as superfícies já tiverem sido calculadas, é possível realizar facilmente alterações, remover, ligar novamente e recalcular depois rapidamente superfícies individuais."

    Modelo negativo da parte inferior de uma carroçaria

    A tecnologia de "templates" no Tebis, bastante utilizada na PROTO-TECHNIK, também ajuda os programadores nas alterações de design. "Muitas vezes altera-se apenas um pormenor. Como todos os dados e valores importantes se encontram guardados em "templates" no "job manager", as alterações são realizadas não só num curto espaço de tempo, como também nada fica esquecido. Evitam-se assim muitos erros", segundo Christoph Rzymbowski.

  • Rumo ao futuro com o Tebis

    Matthias Sliwanski e Christoph Rzymbowski estão muito satisfeitos com o Tebis. Querem expandir o âmbito do módulo e adquirir o módulo Tebis "Trimming" a 5 eixos num futuro próximo. Depois será ainda mais fácil maquinar componentes de fibra de carbono.

    Para reforçar a sua carteira de produtos, Matthias Sliwanski comprou uma fresadora tipo portal de 5 eixos Zimmermann FZ37, com uma trajetória de processamento de oito metros no eixo X. Deste modo, é possível, por exemplo, produzir modelos à escala de 1:1 no setor automóvel ou fabricar peças estruturais para a indústria aeronáutica. Naturalmente, o Tebis desempenha aqui um papel importante: para proteger este investimento, brevemente será utilizado o Tebis Simulator. O módulo de software permite a simulação realista de trajetórias de ferramenta na FZ37 virtual, representada em pormenor − com monitorização de colisões completa de todos os componentes da máquina, incluindo o interruptor de fim de curso. Para Matthias Sliwanski esta é uma simples tarefa de cálculo: através de um investimento comparativamente baixo em software, Sliwanski garante que o seu elevado investimento de capital de sete dígitos também pode ser pago.

    Os livros de encomendas do fabricante de modelos perto de Dachau, na Alemanha, estão completos até ao próximo ano. Matthias Sliwanski pretende expandir não só a nível de pessoal, como também de maquinaria e tecnológico. Está planeada a construção de mais um anexo com mais de 3.000 m2, o local para outra máquina tipo portal que oferece uma trajetória de processamento até 20 metros no eixo X; do mesmo modo, deverão ser adicionados até cinco postos de trabalho Tebis nos próximos anos. A história de sucesso da colaboração entre a PROTO-TECHNIK e a Tebis ainda está longe de conhecer um fim.

    Matthias Sliwanski e Christoph Rzymbowski no comando da FZ 37

     

Ir para vista geral

Citação

Tebis consegue o que os outros não conseguem.

Ficha informativa

Foco:

Superfícies de geometria regular de alumínio e aço, no domínio 2,5D, e superfícies de formas livres negativas de plástico

Vantagens:

  • Gestão de alterações acelerada
  • Tempo de execução encurtado devido à automatização
  • Segurança graças a "templates"

Setor:

Indústria automóvel, Construção de modelos

Empresa:

PROTO-TECHNIK Gesellschaft für Gestaltung technischer Produkte mbH

Local:

Bergkirchen, Alemanha

Entrevistado:

Matthias Sliwanski

Profissão:

Sócio gerente e Christoph Rzymbowski, chefe de CAM e Oficina

Publicado:

2014

Registe-se para receber a Newsletter Tebis e mantenha-se sempre atualizado.

Inscrições em seminários e formações

Aproveitar melhor os potenciais, atingir mais rapidamente os objetivos

  • Construção de moldes e ferramentas Premium

    Pacote para o setor da construção de ferramentas e moldes  (A pedido) Saiba mais


  • Deformação de superfícies

    "Add-ons" CAD  (A pedido) Saiba mais


  • Instalação e configuração

    "Add-ons" CAM  (A pedido) Saiba mais