Title

Description

    Utilize a engenharia inversa para ligar o mundo CAD ao mundo real

    Criação e atualização de superfícies CAD com dados digitalizados

    A engenharia inversa gera um modelo de superfície CAD que representa com precisão um objeto digitalizado. A engenharia inversa é útil em todas as situações em que há processamento manual realizado em objetos reais e em que o modelo CAD é necessário para processos subsequentes.

    No fabrico de modelos e moldes, os objetos e veículos modelados em argila são digitalizados e convertidos em superfícies CAD.

    Na produção de cunhos e cortantes, as alterações manuais nas ferramentas de chapa metálica na fase de ensaio de bancada são digitalizadas e o modelo CAD existente é atualizado com base nos dados digitalizados. Adicionalmente, muitas vezes é necessário criar superfícies CAD para ferramentas que existam ainda em formato digital. 

    Os objetos modelados ou modificados manualmente são importados para o Tebis após a digitalização.
    Os dados digitalizados são convertidos em malhas (rede azul). A engenharia inversa gera então um modelo de superfície CAD de elevada qualidade que é inteiramente utilizável para trabalho de desenho.
    A via verde para atualizar dados CAD
    Criação e adaptação rápida de superfícies CAD
    Elevada qualidade de superfícies CAD
    Utilização imediata de superfícies CAD nos processos seguintes
    Engenharia inversa e desenho num único sistema
    Elevado grau de flexibilidade para o departamento de desenho

    Saiba como funciona

    Desenho de superfícies e engenharia inversa numa única aplicação

    Num único ficheiro CAD, é possível analisar e otimizar a qualidade dos dados digitalizados, criar um modelo de wireframe e, em seguida, criar o modelo de superfície. As superfícies obtidas com a engenharia inversa podem ser editadas na fase de projeto, utilizando as funções de curvas e superfícies. É possível criar rapidamente superfícies de formas livres com qualidade de Classe A através da tecnologia de superfícies do Tebis.

     

    O vídeo mostra uma aplicação na produção de matrizes: não são necessários conhecimentos especiais para criar dados de desenho CAD a partir de peças de chapa metálica digitalizadas.
    O vídeo mostra a facilidade com que as estruturas de superfície são desenhadas sobre os dados digitalizados da peça de chapa metálica e a rapidez com que se pode converter esses dados num modelo de superfície com formas livres tangenciais.

    Estas são as várias etapas do processo de engenharia inversa para gerar superfícies CAD de elevada qualidade:

    • Importar dados STL
    • Analisar e editar dados da malha
    • Desenhar o modelo de wireframe nos dados da malha
    • Gerar superfícies individuais no modelo de wireframe
    • Analisar as superfícies
    • Otimizar as superfícies
    • Continuar o trabalho de design na peça

    Superfícies a partir de malhas

    Desenho intuitivo com modelos de wireframe e de superfície

    Usando as funções de desenho semiautomático e interativo, os utilizadores criam um modelo inteligente de wireframe com base no objeto digitalizado (modelo de malha), no qual o grau e a segmentação das superfícies e a qualidade das transições de superfície são controladas automaticamente. Com o modelo de wireframe, o utilizador pode definir o desenho das superfícies e as qualidades das transições para as superfícies adjacentes. O Tebis calcula de forma automática o modelo de superfície com base no modelo de wireframe e nas malhas. Ao especificar as tolerâncias, o utilizador pode determinar o nível de aproximação do modelo de wireframe e das superfícies aos dados digitalizados.

    Para gerar modelos de wireframe, o Tebis oferece funções específicas para trabalhar com malhas guardadas.

    Na produção de moldes e matrizes

    Alterações e ausência de dados

    Engenharia inversa na produção de matrizes
    Engenharia inversa na produção de moldes

    A engenharia inversa do Tebis gera rapidamente gémeos virtuais de moldes e matrizes de injeção reais. Também podem ser considerados os dados CAD existentes. A engenharia inversa é uma ferramenta extremamente útil e contribuiu para uma significativa economia de tempo, especialmente nas seguintes aplicações:

    • Incorporação das alterações manuais após ensaio de bancada no modelo CAD existente e trabalho contínuo com uma geometria realista e atualizada;
    • Digitalização das peças de chapa metálica desenhadas e utilização das mesmas como modelo de superfície para operações subsequentes (por exemplo, corte “trimming”) e equipamentos;
    • Criação de superfícies com base em malhas FEM dos sistemas de simulação;
    • Produção de um segundo conjunto de matrizes, por exemplo, para outros locais de produção;
    • Reparação de matrizes.

    Atualização de superfícies CAD após alterações manuais em tryout

    É frequente as matrizes serem alteradas manualmente na fase de ensaio de bancada, o que faz com que o modelo CAD deixe de estar atualizado. Com a engenharia inversa, as alterações manuais são digitalizadas e importadas para o ficheiro de modelo CAD. Desta forma, consegue-se poupar bastante tempo em otimizações da matriz e na criação de séries.

    O vídeo demonstra como a área modificada nesta chapa reforçada é incorporada no ficheiro de modelo CAD.
    O Tebis compara as superfícies CAD com os dados digitalizados a fim de detetar as áreas alteradas. O utilizador atualiza as superfícies CAD em poucos minutos.

    Engenharia inversa com base em dados de simulações

    Também é possível usar os dados da malha obtidos da simulação do desenho como base para a engenharia inversa. Primeiro, as curvaturas do desenho são analisadas. Em seguida, cria-se o desenho da superfície e preenche-se cada área com superfícies com quatro ou mais cantos angulares, cortadas conforme necessidade. Desta forma, os modelos de superfície podem ser obtidos muito rapidamente.

    Na construção de modelos

    Para reprodução de formas perfeitas

    Depois de construído o modelo, as superfícies CAD são o ponto de partida de todos os processos de desenho e produção. Se a forma for desenvolvida por métodos manuais (como modelos em argila) ou se forem peças de antiguidade ou objetos de arte, o mundo CAD tem de simular a realidade com a maior exatidão possível.

    Os fabricantes de modelos usam a engenharia inversa para combinar o trabalho manual e a tecnologia de design, para assim beneficiarem do melhor dos dois mundos. Assim, é possível criar muito facilmente superfícies CAD para os modelos físicos. Saiba mais sobre os desenvolvimentos técnicos realizados em cooperação com o BMW Group Design. A Tebis desenvolveu métodos eficazes para o desenvolvimento de formas através da associação precisa entre o design manual e o design virtual.

    O novo processo permite que as mesmas ferramentas sejam fabricadas de forma rápida e eficiente e testadas para vários locais ao mesmo tempo. "Os fabricantes de ferramentas VW de todo o mundo beneficiaram imenso deste processo. Inclusive foi possível produzir muito rapidamente ferramentas para o México num processo standardizado

    Roland Schöbel, Volkswagen AG, Wolfsburg, Alemanha

    Já utilizamos o Tebis há 2 anos e meio e, desde então, tem sido possível desenvolver mais rapidamente os projetos, entre um 60% a 70%.

    Christoph Schneeberger, Construção de máquinas, MS-Design, Roppen, Áustria

    Outras ligações

    Otimize de forma automática e manual a qualidade das superfícies CAD

    A qualidade das superfícies CAD resulta das características algorítmicas dos sistemas CAD usados, do histórico de design e dos processos de conversão através de interfaces. Para produzir moldes e matrizes, muitas vezes é necessário importar e processar dados CAD com lacunas em termos qualitativos. O Tebis permite otimizar a qualidade das superfícies CAD.

    Mais informação
    Compensação da recuperação elástica no CAD

    A compensação mecânica mediante a retificação da matriz requer demasiado tempo. Como alternativa, a geometria da matriz pode ser rapidamente obtida através da implementação da tecnologia de deformação nas superfícies CAD.

    Mais informação